Teoria e história

ANDAROLO, Maria (org.). La teoria del restauro nel novecento da Riegl a Brandi: atti del convegno internazionale di studi. Firenze: Nardini Editore, 2006.
_
BABELON, Jean-Pierre. & CHASTEL, André. La notion de patrimoine. Paris: Liana Levi, 1994.
_
BAETA, Rodrigo Espinha. Teoria do Barroco. Salvador: EDUFBA: PPGAU, 2012.
_
BOITO, Camillo Os Restauradores: conferência feita na exposição de Turim em 7 de junho de 1884São Paulo: Ateliê Editorial, 2008.
_
BRANDI, Cesare. Teoria da restauração.  Cotia-SP: Ateliê Editorial, 2008.
_
CARBONARA. Giovanni. Avvicinamento al restauro. Napoli: Liguori, 1997.
_
CASTRIOTA, Leonardo Barci. Patrimônio cultural: conceitos, políticas, instrumentos. São Paulo: Annablume; Belo Horizonte: IEDS, 2009.
_
CAVALCANTI, Lauro (org.). Modernistas na repartição. 2ª ed. rev. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ: Minc – IPHAN, 2000.
_
CHOAY, Françoise. A alegoria do patrimônio. São Paulo: Estação Liberdade: UNESP, 2006.
_
CHOAY, Françoise. O Patrimônio em Questão: antologia para um combate. Belo Horizonte: Fino Traço, 2011.
_
CHUVA, Márcia Regina Romeiro. Os arquitetos da memória: sociogênese das práticas de preservação do patrimonio cultural no Brasil (anos 1930-1940). Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2009.
_
CHUVA, Márcia; NOGUEIRA, Antonio Gilberto Ramos (orgs.). Patrimônio cultural: políticas e perspectivas de preservação no Brasil. Rio de Janeiro: Mauad X: FAPERJ, 2012.
_
DVORÁK, Max. Catecismo da preservação de monumentos. São Paulo: Ateliê Editorial, 2008.
_

FRIDMAN, Fania; HAESBAERT, Rogério (org.). Escritos sobre espaço e história. Rio de Janeiro: Garamond, 2014.

_

FERREIRA, J. M. Simões. Arquitectura para a morte: a questão cemiterial e seus reflexos na teoria da arquitetura. Fundação Calouste Gulbenkian, 2009.

_
GIOVANNONI, Gustavo. L’urbanisme face aux villes anciennes. Éditions du Seuil, 1998.
_
GONZÁLEZ-QUIJANO, Rodolfo García-Pablos ET. AL. Defensa proteccion y mejora del patrimônio histórico-artistico y arquitectonico. Madrid: COAM, 1982.
_
LEACH, Neil (ed.). Rethinking Architecture: a reader in cultural theory. London: New York: Routledge, 2009.
_
LEAL, Claudia Feierabend Baeta. As missões da Unesco no Brasil: Michel Parent. Rio de Janeiro: IPHAN, COPEDOC, 2008.
_
LE GOFF, Jacques (dir.). Patrimoine et passions identitaires. Paris: Éditions Fayard, 1998.
_
LEMOS, Carlos A. C. O Que é Patrimônio Histórico. São Paulo: Brasiliense, 2006.
_
LEROI-GOURHAN, Andre. O gesto e a palavra: a memória e os ritmos. Lisboa: Edições 70, 1965.
_
MACARRÓN, Ana. Conservación del Patrimonio Cultural: criterios y normativas. Madrid: Editorial Sintesis,
_
MENEGUELLO, Cristina. Da ruína ao edifício: neogótico, reinterpretação e preservação do passado na Inglaterra vitoriana. São Paulo: Annablume; Fapesp, 2008.
_
NESBITT, Kate (ORG.). Uma nova agenda para a arquitetura: antologia teórica (1965-1995). São Paulo: Cosac Naify, 2008.
_
PAES, Maria Tereza Duarte & OLIVEIRA, Melissa Ramos da Silva (Orgs.). Geografia, Turismo e Patrimônio Cultural. São Paulo: Annablume, 2010.
_
PESSÔA, José (org.). Lúcio Costa: documentos de trabalho. 2. ed. Rio de Janeiro: Iphan, 2004.
_
PIGNATARI, Décio. Semiótica da Arte e da Arquitetura. Cotia, SP: Ateliê Editorial, 2004.
_
POULOT, Dominique. Uma história do patrimônio no Ocidente, séculos XVIII-XXI: do monumento aos valores. São Paulo: Estação Liberdade, 2009.
_
RICOEUR, Paul. A memória, a história, o esquecimento. São Paulo: Editora da Unicamp, 2007.
_
RIEGL, Aloïs. El culto moderno a los monumentos: caracteres y origen. 3. ed. Madrid: Machado Libros, 2008.
_
RUSKIN, John. The seven lamps of architecture. New York: Dover publications, 1880.
_
RUSKIN, John. A lâmpada da memória. Cotia-SP: Ateliê Editorial, 2008.
_
SANTOS, Afonso Carlos Marques dos. A invenção do Brasil: ensaios de história e cultura. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2007.
_

TIRAPELI, Percival (org.). Patrimônio Sacro na América Latina. São Paulo: Arte Integrada; Unesp, Instituto de Artes; FAU-USP; Faculdade de São Bento de São Paulo, 2015.

_
TOMÉ, Miguel. Património e restauro em Portugal (1920-1995). Porto: FAUP, 2002.
_
VIOLLET-LE-DUC, Eugenne E. Restauração. São Paulo: Ateliê Editorial, 2006.
Anúncios